<BODY> ~*~* Meu Bebê Dudu *~*~


Dudu




Meu filhinho Eduardo nasceu no dia 17 de setembro de 2005, às 1h 40, em Brasília/DF, pesando 3,915kg e medindo 51 cm, um garotão com certeza! Hoje ele está às vésperas de completar 2 anos. É um menino muito ativo, carinhoso e inteligente. Uma maravilha!


1º Blog – Gravidez
2º Blog – Parto
3º Blog – Vida de Bebê
4º Blog – Até 1 Ano



Mamãe




Meu nome é Catarina e sou autora desde blog que começou em 29/5/2005. Aqui estão registradas as experiências de uma mãe de primeira viagem muito feliz desde a descoberta da gravidez em 9/1/2005. Na época eu tinha 28 anos e 6 anos de casada com o Rubens, pai do Dudu. Deixo aqui nossos momentos de alegria, ansiedade, paz e luta para eternizá-los na memória dos que lerem este blog.



Papai




Este é o pai do Dudu e meu marido com quem sou casada desde maio/1999. Ele é um pai muito carinhoso e presente.



Irmão Guilherme




:: Blog do Guilherme



Na Barriga




A gravidez do Dudu foi o período mais feliz e pleno de toda a minha vida. A felicidade em estar grávida era tanta que todos os desconfortos foram recebidos com alegria. Fiquei grávida por 40 semanas e 3 dias, engordei 17 kg e aprendi bastante sobre gravidez e parto. Tivemos uma doula que nos ajudou muito antes, no dia do parto e depois dele, a querida Clarissa Kahn.



Parto




Senti as primeiras contrações às 10h 30 do dia 16/9 no trabalho, onde fiquei até às 17h. Minha intenção era ficar o maior tempo possível em casa evitando assim intervenções desnecessárias e assegurando a chance de ter um parto normal. Desde que engravidei meu sonho era trazer o Dudu ao mundo da forma mais natural possível. Assim, naquele dia senti a dor mais maravilhosa que existe e num turbilhão de emoções o Dudu nasceu após 6 horas de trabalho de parto ativo. Como foi fantástico sentí-lo sair de mim! Depois desse dia tive certeza que eu era capaz de tudo na vida e me sentia uma vencedora de maratona. Obrigada, Dudu, por ajudar a mamãe nesta hora tão crítica.



Amigos


:: Adri, Sofya e Emanuelle
:: Ageu e Matheus
:: Alê e Pedro Luís
:: Aline e Júlia
:: Aline e Bárbara
:: Aline e Ric
:: Alyne e Matheus
:: Ana e Lorenzo
:: Andreza e Teru
:: Ângela e Matheus
:: Bia e Lucas
:: Bia, Lucas e Thiago
:: Bia, Yohana e Yan
:: Bina e Brenda
:: Carla e Marina
:: Cris e Ícaro
:: Cris e Lucas
:: Cristina e Sarah
:: Cristina, Ingrid e Anne
:: Chrystina, Bruno e JP
:: Dani e Caio
:: Dedéia, Pedro e Júlia
:: Eva e Lucas
:: Fabi e Catarina
:: Jack, Ruan e Paulo Victor
:: Jane e Maria Júlia
:: Kátia Regina e Ana Luísa
:: Keila, Lucas e Gabriel
:: Keity e Lucas
:: Lílian e Nicolas
:: Lisa e Eduardo
:: Lívia e Miguel
:: Lu, Guilherme e Gustavo
:: Mary e Camila
:: Nádila e André
:: Noelma, Pedro e Ana
:: Paty e Gigio
:: Pri, João e Maria
:: Ranne e Maurinho
:: Renata, Isabella e Eric
:: Ruth e Davi
:: Roseli e Breno
:: Ryvane e Ana Clara
:: Selma, Alex e Natália
:: Simoni e Henrique
:: Tábata, Gab e Gui
:: Taci e Danilo
:: Telma e David
:: Valéria e Júlia
:: Valéria e Tikinha
:: Vanessa, Davi e Pedro
:: Ví e Amélie (senha)
:: Vi, Thiago e Júlia
:: Rosileide e Ana Beatriz
:: Bia e Biel
:: Camila e Helena
:: Kelly e Eduardo
:: Fran e Madu
:: Fê Biel e Gui
:: Flávia, Giovanna e Miguel
:: Roberta, Lucas e Diego
:: Mara e Bia
:: Lígia e Vivi
:: Lea e Davi
:: Fabi, Babi e Bia
:: Débora e Dudu
:: Fê e Amandinha
:: Vivi e Francisco
:: Márcia e Mel
:: Simoni e ?
:: Thaty e Alice



Visitas




Mural





Hoje é...






Música





Link-nos


Pegue nosso selinho





Pegue nosso selinho





Pegue nosso award







Passado


Blog Antigo

Arquivos:
Julho 2007
Agosto 2007
Setembro 2007
Outubro 2007
Novembro 2007
Dezembro 2007
Janeiro 2008
Fevereiro 2008
Março 2008
Abril 2008
Maio 2008
Junho 2008
Julho 2008
Agosto 2008
Setembro 2008
Outubro 2008
Novembro 2008
Dezembro 2008
Janeiro 2009
Fevereiro 2009
Abril 2009
Maio 2009
Junho 2009
Julho 2009
Outubro 2009
Março 2010
Maio 2010



Parceria



Blog Brasil Acadêmico


Créditos



Conceitos Design

eXTReMe Tracker





segunda-feira, 26 de novembro de 2007

Lilypie 3rd Birthday Ticker



Muito difícil saber...

Olá amigas!

Os meninos estão bem, só o Guilherme que está com uma diarréia devido ao nascimento dos dentes, eu acho.... Não teve febre e continua pimenta correndo pela casa como nunca. Rs...

O Rubens decidiu colocar os “macaquinhos” de novo na natação, pois a água da academia agora é salinizada e não mais com cloro. O Dudu havia saído por conta da dermatite atópica que piorava toda vez que entrava em contato com o cloro. Só quero ver o Guilherme, rs... Acho que vai chorar na hora do mergulho.

No fim de semana, li uma reportagem da revista Época sobre crianças superdotadas e me interessou muito as características delas, pois as reconheci no Dudu. Sinceramente, um filho superdotado não é meu ideal de consumo, pois parece que essas pessoas têm muita dificuldade para relacionamentos sociais. Resultado: fiquei preocupada e fui me informar com o professor Google.

Encontrei um texto no site http://www.talentocriativo.com.br/ que achei bem interessante e dá algumas características das crianças superdotadas nos primeiros anos de vida:


"Como reconhecer se o seu filho é um superdotado.
*
Ellen Winner5 considera que crianças com alto QI (academicamente superdotadas) podem
apresentar, nos primeiros cinco anos de vida, algumas características que podem vir a ser percebidas
por pais atentos ao seu desenvolvimento. Entre os primeiros sinais, ela destaca:

_ Maior tempo de atenção e vigilância, reconhecendo seus cuidadores desde cedo – isso mesmo, o menino sempre dormiu pouco;
_ Preferência por novos arranjos visuais – não sei o que é isso;
_ Desenvolvimento físico precoce: sentar, engatinhar e caminhar antes do normal – andou sozinho com 10 meses;
_ Linguagem adquirida mais cedo, rapidamente progredindo para sentenças complexas;
apresentando grande vocabulário e estoque de conhecimento verbal – fala muito bem desde 1 ano e meio;
_ Super-reatividade: apresentam reações muito intensas a ruídos, dor e frustração – fica desesperado de frustração quando não consegue empilhar quinhentos brinquedos;
_ Aprendizagem rápida, com instrução mínima (pouca ajuda ou estímulo de adultos) – ele vê uma vez e aprende;
_ Curiosidade intelectual, com elaboração de perguntas profundas e persistência até alcançar a informação desejada - ok;
_ Alta persistência e concentração, quando estão interessadas em algo – é incomum estar interessado em algo, mas quando acontece se concentra muito;
_ Alto nível de energia, que pode levar à hiperatividade, quando são insuficientemente
estimuladas (às vezes necessitam de menos horas de sono do que o normal para a idade) – precisa dizer?;
_ Interesses quase obsessivos em áreas específicas, a ponto de se tornarem especialistas nestes domínios – obcecado por caminhões, só fala neles e brinca com eles o dia todo. "

Sabem quantas dessas características eu localizei no Dudu? Todas. Só não entendi o que vem a ser a segunda. Bom, diante disso, mandei um e-mail para uma doutora da Associação Brasileira de Altas Habilidades e ela me disse que ele era muito novinho para dizer se tem a tal “característica”:
“Pode ser um amadurecimento mais cedo de algumas células nervosas e depois,
com mais idade, suas habilidades não se destacarem dos demais. Claro que
é preciso acompanhar e estimular seu potencial.”

Como uma boa mãe “tantan”, continuo preocupada, rs... Pra variar... Fico me questionando se não estou maluca, com a corugisse nas alturas, vendo coisas que não existem. “Ai, que mulher ridícula, acha que o filho é o próprio Einstein!” Mas ao mesmo tempo, e se eu não der atenção a uma característica tão importante como esta? Se o Dudu tivesse algum retardo, eu não correria atrás? Será que fingir que não é nada, eu estaria subestimando a inteligência do meu filho? Muito difícil saber... (frase que o Dudu usa às vezes, rs...).

Pelo menos, percebi que o Dudu pode não ser hiperativo como cheguei a pensar algumas vezes, mesmo a médica dizendo que ele não era. Vai que o menino é inteligente demais para ficar parado, né? Tomara isso.

No mais, tudo legal com meu “gênio”, mãe é bicho besta mesmo! Eu só quero que ele seja feliz e normal, nem mais, nem menos.

Volto com novidades sobre o aniversário do Guilherme.



Às 12:39

0 Aqui também pode!

0 Comentários:

Post a Comment