<BODY> ~*~* Meu Bebê Dudu *~*~


Dudu




Meu filhinho Eduardo nasceu no dia 17 de setembro de 2005, às 1h 40, em Brasília/DF, pesando 3,915kg e medindo 51 cm, um garotão com certeza! Hoje ele está às vésperas de completar 2 anos. É um menino muito ativo, carinhoso e inteligente. Uma maravilha!


1º Blog – Gravidez
2º Blog – Parto
3º Blog – Vida de Bebê
4º Blog – Até 1 Ano



Mamãe




Meu nome é Catarina e sou autora desde blog que começou em 29/5/2005. Aqui estão registradas as experiências de uma mãe de primeira viagem muito feliz desde a descoberta da gravidez em 9/1/2005. Na época eu tinha 28 anos e 6 anos de casada com o Rubens, pai do Dudu. Deixo aqui nossos momentos de alegria, ansiedade, paz e luta para eternizá-los na memória dos que lerem este blog.



Papai




Este é o pai do Dudu e meu marido com quem sou casada desde maio/1999. Ele é um pai muito carinhoso e presente.



Irmão Guilherme




:: Blog do Guilherme



Na Barriga




A gravidez do Dudu foi o período mais feliz e pleno de toda a minha vida. A felicidade em estar grávida era tanta que todos os desconfortos foram recebidos com alegria. Fiquei grávida por 40 semanas e 3 dias, engordei 17 kg e aprendi bastante sobre gravidez e parto. Tivemos uma doula que nos ajudou muito antes, no dia do parto e depois dele, a querida Clarissa Kahn.



Parto




Senti as primeiras contrações às 10h 30 do dia 16/9 no trabalho, onde fiquei até às 17h. Minha intenção era ficar o maior tempo possível em casa evitando assim intervenções desnecessárias e assegurando a chance de ter um parto normal. Desde que engravidei meu sonho era trazer o Dudu ao mundo da forma mais natural possível. Assim, naquele dia senti a dor mais maravilhosa que existe e num turbilhão de emoções o Dudu nasceu após 6 horas de trabalho de parto ativo. Como foi fantástico sentí-lo sair de mim! Depois desse dia tive certeza que eu era capaz de tudo na vida e me sentia uma vencedora de maratona. Obrigada, Dudu, por ajudar a mamãe nesta hora tão crítica.



Amigos


:: Adri, Sofya e Emanuelle
:: Ageu e Matheus
:: Alê e Pedro Luís
:: Aline e Júlia
:: Aline e Bárbara
:: Aline e Ric
:: Alyne e Matheus
:: Ana e Lorenzo
:: Andreza e Teru
:: Ângela e Matheus
:: Bia e Lucas
:: Bia, Lucas e Thiago
:: Bia, Yohana e Yan
:: Bina e Brenda
:: Carla e Marina
:: Cris e Ícaro
:: Cris e Lucas
:: Cristina e Sarah
:: Cristina, Ingrid e Anne
:: Chrystina, Bruno e JP
:: Dani e Caio
:: Dedéia, Pedro e Júlia
:: Eva e Lucas
:: Fabi e Catarina
:: Jack, Ruan e Paulo Victor
:: Jane e Maria Júlia
:: Kátia Regina e Ana Luísa
:: Keila, Lucas e Gabriel
:: Keity e Lucas
:: Lílian e Nicolas
:: Lisa e Eduardo
:: Lívia e Miguel
:: Lu, Guilherme e Gustavo
:: Mary e Camila
:: Nádila e André
:: Noelma, Pedro e Ana
:: Paty e Gigio
:: Pri, João e Maria
:: Ranne e Maurinho
:: Renata, Isabella e Eric
:: Ruth e Davi
:: Roseli e Breno
:: Ryvane e Ana Clara
:: Selma, Alex e Natália
:: Simoni e Henrique
:: Tábata, Gab e Gui
:: Taci e Danilo
:: Telma e David
:: Valéria e Júlia
:: Valéria e Tikinha
:: Vanessa, Davi e Pedro
:: Ví e Amélie (senha)
:: Vi, Thiago e Júlia
:: Rosileide e Ana Beatriz
:: Bia e Biel
:: Camila e Helena
:: Kelly e Eduardo
:: Fran e Madu
:: Fê Biel e Gui
:: Flávia, Giovanna e Miguel
:: Roberta, Lucas e Diego
:: Mara e Bia
:: Lígia e Vivi
:: Lea e Davi
:: Fabi, Babi e Bia
:: Débora e Dudu
:: Fê e Amandinha
:: Vivi e Francisco
:: Márcia e Mel
:: Simoni e ?
:: Thaty e Alice



Visitas




Mural





Hoje é...






Música





Link-nos


Pegue nosso selinho





Pegue nosso selinho





Pegue nosso award







Passado


Blog Antigo

Arquivos:
Julho 2007
Agosto 2007
Setembro 2007
Outubro 2007
Novembro 2007
Dezembro 2007
Janeiro 2008
Fevereiro 2008
Março 2008
Abril 2008
Maio 2008
Junho 2008
Julho 2008
Agosto 2008
Setembro 2008
Outubro 2008
Novembro 2008
Dezembro 2008
Janeiro 2009
Fevereiro 2009
Abril 2009
Maio 2009
Junho 2009
Julho 2009
Outubro 2009
Março 2010
Maio 2010



Parceria



Blog Brasil Acadêmico


Créditos



Conceitos Design

eXTReMe Tracker





quinta-feira, 22 de janeiro de 2009

Lilypie 3rd Birthday Ticker



Natal, Reveillon, última quimio e etc...

O etc diz o tamanho deste post, rs...

Demorei para voltar, né? Foi pura falta de disposição para escrever...

Natal. O Natal passamos na casa de minha mãe e foi muito bom com a tradicional ceia e o amigo-oculto. A véspera foi tranquilíssima, pois os meninos dormiram algumas horas a tarde e ficaram bem dispostos até meia-noite. Neste ano, o papai Noel foi generoso com os meninos, rs... Confesso que adoro brinquedos e exagerei um pouco segundo o Rubens... Ah, só uma vez pode, né? Rs...
Como o amigo-oculto demorou para acontecer, deixei os meninos abrirem um presente mais ou menos às 22h. A expectativa deles era tão grande que 1 presente para os dois brincarem deu em nada menos que briga e chororô. Dudu e Guilherme tão arrumados e lindos como cavalheiros, mas não se enganem, a natureza selvagem falou mais alto. Em menos de 20 minutos, depois de choros de manha, gritos, briga e ameaças de castigo, a gota d’água: o lindo príncipe Dudu se jogou no chão, deitado de barriga para baixo esperneando de raiva. Adivinhem?
Nesta hora, ele ganhou seu segundo presente de Natal: uma boa palmada no bumbum principesco. Não agüentei vê-lo fazendo birra e mesmo sendo Natal, por mais que minha mãe e sogra me recriminassem, tive que corrigí-lo. Levei o menino para o quarto e o seu músculo glúteo sentiu a mão da mamãe Noel. Em poucos segundos, ele se acalmou e parou de fazer mal-criação até o sono chegar, lá pela 1h da manhã.
Depois da palmada de Natal, deixei os meninos abrirem todos os presentes e brincarem. Eles brigaram um pouco, mas conseguimos levar na conversa tanto o Dudu quanto o Guilherme sem mais incidentes. Vi que para o Dudu, o presente era menos importante que rasgar os papéis, rs..., para ele o “abrir o presente” era melhor mesmo que o conteúdo. Nos dias seguintes, os brinquedos foram mais apreciados, mas no dia, eles queriam mesmo era abrir as embalagens.

Confesso que passei um bom tempo me questionando antes de dormir se tinha feito a coisa certa. Se eu não devia ter agido de forma diferente, se eu era mesmo uma tirana por bater no meu filho no dia de Natal, se ele seria infeliz o resto da vida por essa palmada histórica, se, se, se... A dúvida me afligiu no dia seguinte e comentei o ocorrido com minha irmã e cunhado. Meu cunhado que tem um problema na família por um irmão desajustado, me disse com todas as letras:
- Cata, BATE!
Ele quis dizer que conhece muita gente que levou palmadas, teve uma educação mais rígida e se tornou uma pessoa de bem em contrapartida a muitos desajustados que não tiveram essa rigidez enquanto crianças e se tornaram a tristeza da família. Bom, ainda não tenho certeza de estar no caminho certo, só torço para que os meninos cresçam bem e se tornem homens bem ajustados socialmente.

O Natal foi assim.

Reveillon. Este ano, gostei mais do reveillon. Passamos na casa de minha mãe onde fizemos um churrasco começando antes da meia-noite. Para minha surpresa, meus familiares todos usaram uma camiseta com os dizeres:
“ Cata, nossos melhores votos de saúde e paz são para vc”
Fiquei tão feliz com a homenagem que prometi ficar boa e nunca mais ter nenhuma doença que assuste meus parentes como o câncer os assustou. Com tanta gente me desejando saúde, tenho que ficar curada para sempre, né? Foi minha irmã quem pensou na surpresa e posso dizer que só ela mesma para fazer essas coisas tão legais. Obrigada, Carol! Não sou muito boa para falar o quanto fiquei feliz e me senti amada por vc e pela família inteira, mas deixarei registrado aqui, pois parece que escrevo melhor que falo.

Última quimioterapia. No dia 2 de janeiro fiz a sexta e última sessão de quimioterapia. Foi ruim como as outras, mas melhor que todas pois meu pensamento era um só: essa é a última!
Não sei o que me apavora mais, o câncer voltar ou ter que fazer quimio de novo. Tento não cultivar pensamentos ruins, mas às vezes sinto medo de ter novamente a doença, de morrer jovem, de deixar os meninos sem mãe, desses pensamentos fúteis de quem já teve câncer...
Bom, começarei a radioterapia no dia 27/01 e serão 25 dias de segunda-feira a sexta-feira, 15 minutos cada sessão. Mamão com açúcar! Rs...
Depois disso, continuarei o tratamento com bloquedador de hormônio por 5 anos.

Estou com 12 kg acima do peso antes da doença. Será que tive câncer ou engravidei de novo? Rs... Ninguém merece! Além dessa doença maldita, a quimioterapia, ficar gorducha e nenhuma roupa mais caber. Gente, estou de um jeito que se alguém perguntar para quando é o bebê, terei prazer em mentir: - será para junho, rs... Pelo menos, a oncologista me liberou para fazer dieta. Fiquei pensando, será que devo me desgastar numa dieta ou deixar que os médicos tirem as banhas via lipoaspiração? Rs.... Bom, como terei que fazer as cirurgias dos seios, pensei em esticar as horas com os cirurgiões numa lipoescultura. Assim, para que emagrecer, com risco de perder imunidade, se posso deixar o bisturi fazer esse trabalhinho sujo? Será que terei coragem para tanta carnificina? Rs...

Volto com as fotos e mais novidades do Dudu.
O aniversário do Guilherme postei no blog dele
http://meubebeguilherme.blogspot.com



Às 16:56

1 Aqui também pode!

1 Comentários:

amiga fiquei muito feliz em saber que vc ta indo muito bem e deu noticias a todos seus amigos da net.
Sabe conheci vc cat qdo estava gravida do Diego, assim como a lisa a aline a joelma a bia do biel a mãe da plinzinha e tantas outras nessa época e não queria nunca perder o contato com vcs. E espero que essa vida moderna e agitada não nos afaste pq amizades asim o tempo so cultiva mais e sei que com vc será sempre assim amiga.

Muitas felicidades e vitórias pq o dudu e o guilherme vão ter a mãezinha deles ate sua velhice.

bjs

selene, diego e ana luiza.

By Blogger ZenMaster, at 22 de janeiro de 2009 18:37  

Post a Comment