<BODY> ~*~* Meu Bebê Dudu *~*~


Dudu




Meu filhinho Eduardo nasceu no dia 17 de setembro de 2005, às 1h 40, em Brasília/DF, pesando 3,915kg e medindo 51 cm, um garotão com certeza! Hoje ele está às vésperas de completar 2 anos. É um menino muito ativo, carinhoso e inteligente. Uma maravilha!


1º Blog – Gravidez
2º Blog – Parto
3º Blog – Vida de Bebê
4º Blog – Até 1 Ano



Mamãe




Meu nome é Catarina e sou autora desde blog que começou em 29/5/2005. Aqui estão registradas as experiências de uma mãe de primeira viagem muito feliz desde a descoberta da gravidez em 9/1/2005. Na época eu tinha 28 anos e 6 anos de casada com o Rubens, pai do Dudu. Deixo aqui nossos momentos de alegria, ansiedade, paz e luta para eternizá-los na memória dos que lerem este blog.



Papai




Este é o pai do Dudu e meu marido com quem sou casada desde maio/1999. Ele é um pai muito carinhoso e presente.



Irmão Guilherme




:: Blog do Guilherme



Na Barriga




A gravidez do Dudu foi o período mais feliz e pleno de toda a minha vida. A felicidade em estar grávida era tanta que todos os desconfortos foram recebidos com alegria. Fiquei grávida por 40 semanas e 3 dias, engordei 17 kg e aprendi bastante sobre gravidez e parto. Tivemos uma doula que nos ajudou muito antes, no dia do parto e depois dele, a querida Clarissa Kahn.



Parto




Senti as primeiras contrações às 10h 30 do dia 16/9 no trabalho, onde fiquei até às 17h. Minha intenção era ficar o maior tempo possível em casa evitando assim intervenções desnecessárias e assegurando a chance de ter um parto normal. Desde que engravidei meu sonho era trazer o Dudu ao mundo da forma mais natural possível. Assim, naquele dia senti a dor mais maravilhosa que existe e num turbilhão de emoções o Dudu nasceu após 6 horas de trabalho de parto ativo. Como foi fantástico sentí-lo sair de mim! Depois desse dia tive certeza que eu era capaz de tudo na vida e me sentia uma vencedora de maratona. Obrigada, Dudu, por ajudar a mamãe nesta hora tão crítica.



Amigos


:: Adri, Sofya e Emanuelle
:: Ageu e Matheus
:: Alê e Pedro Luís
:: Aline e Júlia
:: Aline e Bárbara
:: Aline e Ric
:: Alyne e Matheus
:: Ana e Lorenzo
:: Andreza e Teru
:: Ângela e Matheus
:: Bia e Lucas
:: Bia, Lucas e Thiago
:: Bia, Yohana e Yan
:: Bina e Brenda
:: Carla e Marina
:: Cris e Ícaro
:: Cris e Lucas
:: Cristina e Sarah
:: Cristina, Ingrid e Anne
:: Chrystina, Bruno e JP
:: Dani e Caio
:: Dedéia, Pedro e Júlia
:: Eva e Lucas
:: Fabi e Catarina
:: Jack, Ruan e Paulo Victor
:: Jane e Maria Júlia
:: Kátia Regina e Ana Luísa
:: Keila, Lucas e Gabriel
:: Keity e Lucas
:: Lílian e Nicolas
:: Lisa e Eduardo
:: Lívia e Miguel
:: Lu, Guilherme e Gustavo
:: Mary e Camila
:: Nádila e André
:: Noelma, Pedro e Ana
:: Paty e Gigio
:: Pri, João e Maria
:: Ranne e Maurinho
:: Renata, Isabella e Eric
:: Ruth e Davi
:: Roseli e Breno
:: Ryvane e Ana Clara
:: Selma, Alex e Natália
:: Simoni e Henrique
:: Tábata, Gab e Gui
:: Taci e Danilo
:: Telma e David
:: Valéria e Júlia
:: Valéria e Tikinha
:: Vanessa, Davi e Pedro
:: Ví e Amélie (senha)
:: Vi, Thiago e Júlia
:: Rosileide e Ana Beatriz
:: Bia e Biel
:: Camila e Helena
:: Kelly e Eduardo
:: Fran e Madu
:: Fê Biel e Gui
:: Flávia, Giovanna e Miguel
:: Roberta, Lucas e Diego
:: Mara e Bia
:: Lígia e Vivi
:: Lea e Davi
:: Fabi, Babi e Bia
:: Débora e Dudu
:: Fê e Amandinha
:: Vivi e Francisco
:: Márcia e Mel
:: Simoni e ?
:: Thaty e Alice



Visitas




Mural





Hoje é...






Música





Link-nos


Pegue nosso selinho





Pegue nosso selinho





Pegue nosso award







Passado


Blog Antigo

Arquivos:
Julho 2007
Agosto 2007
Setembro 2007
Outubro 2007
Novembro 2007
Dezembro 2007
Janeiro 2008
Fevereiro 2008
Março 2008
Abril 2008
Maio 2008
Junho 2008
Julho 2008
Agosto 2008
Setembro 2008
Outubro 2008
Novembro 2008
Dezembro 2008
Janeiro 2009
Fevereiro 2009
Abril 2009
Maio 2009
Junho 2009
Julho 2009
Outubro 2009
Março 2010
Maio 2010



Parceria



Blog Brasil Acadêmico


Créditos



Conceitos Design

eXTReMe Tracker





quinta-feira, 12 de fevereiro de 2009

Lilypie 3rd Birthday Ticker



A tia me bateu


O que vc fez na escola. Eu sempre pergunto ao Dudu o que ele fez na escola, mas o menino nunca diz nada.
- Dudu o que vc fez hoje na escola?
- Nada.
- Vc pintou? (insisti)
- Pintei.
- O que vc pintou? (tentei mais uma vez)
- Uma coisa lá.
Desisti de perguntar. Rs...
Eu sou curiosa para saber o que eles fazem nas 4h em que ficam na escola, mas o Dudu está na “adolescência”... Dá vontade de colocar uma câmera na sala de aula, rs...

A tia brigou. Ontem, depois do banho, enquanto eu trocava o Dudu, ele me disse que a tia havia brigado com ele por escalar a grade do trem. E mais, ela tinha dado duas palmadas no seu bumbum.
Fiquei passada! Fiquei chocada! Tentei extrair mais alguma informação, mas o menino não sabia o nome da tia. Será que era verdade? Demorei a dormir pensando no que realmente tinha acontecido. Conheço o filho que tenho: um traquina levado do mais alto escalão, rs..., mas daí a baterem nele...já é outra história... Na dúvida, acreditei no meu menino e combinei com o Rubens de conversar com a Coordenadora. A mulher foi receptiva, prometeu apurar os fatos e me ligar.

E me ligou mesmo. A coordenadora me disse que foi à sala do Dudu e perguntou a ele sobre a história. O menino confirmou que a tia brigara e ainda apontou quem foi, rs... Foi a auxiliar quem brigou com ele, pois o menino estava escalando o túnel por onde o trem passa, o maior perigo! A coordenadora perguntou ao Dudu se a auxiliar havia batido no bumbum dele. Sabem o que o fanfarrão disse? Que não. Que quem havia batido em seu bumbum tinha sido eu por ele ter quebrado uma mesa.
Rs..............................................................................................................................

Fato: Dudu levou palmada, pois quebrou deliberadamente a mesa de atividades jogando a bicicleta em cima. Eu havia acabado de avisar que ele seria castigado se quebrasse a mesa. Ele me ouviu?
Conclusão. O Dudu misturou as histórias e quem saiu de bocó fui eu, rs... Imaginem a minha vergonha quando a coordenadora me disse que o santinho Dudu me acusara com todas as letras da palmada no bumbum? Rs.... Pelo menos ele disse o motivo. Posso com um menino desses?
Com que cara eu vou aparecer por lá agora? Rs...Vou respirar fundo e colocar minha bela cara de pau emoldurada com a peruca de Cleópatra, rs....

Tirei uma lição dessa história: acreditar sempre nos meus filhos mesmo que a história seja estranha e ficar de olho nas professoras. Provavelmente, a auxiliar foi muito incisiva com o Dudu a ponto do menino achar que seria castigado.

Gente, estamos na primeira...primeira semana de aula e já fui reclamar na escola...imagine o que virá até o fim do ano? Rs.... Muitas emoções com certeza.

Cuidados. Eu sempre recomendo ao Dudu e ao Guilherme que ninguém pode dar palmadas neles que não seja eu ou o Rubens. Nem as avós, nem os tios, nem as professoras, nem as empregadas, nem ninguém. Falo sempre isso a eles e digo que se acontecer eles devem me contar. Ensino também que ninguém pode mexer nas suas partes íntimas e se acontecer para contar para mamãe. Desde pequenos eu os ensino, pois são inocentes demais e sem entendimento do certo e do errado ficam à mercê de pessoas ruins. Sabemos que há pessoas assim em todos os lugares.

O Dudu já nasceu adaptado para a escola, rs... Ele chorou um dia, no dia que o Rubens não foi, na porta da sala, mas depois de passear pela escola com a professora se conformou e está uma beleza.

Continua espertíssimo e muito carinhoso. Ele não desistiu de me pedir outro irmão....coitado, não sabe o que pede, rs. Acho lindo quando vou buscá-los na escola e os meninos se abraçam sorrindo como se também matassem a tarde de saudade um do outro. Meus dois gracinhos!!!

Beijos a todas.



Às 11:07

0 Aqui também pode!

0 Comentários:

Post a Comment